ainanas.com - deixa-te viciar!
Menu
CUIDADO: Burl√Ķes Fazem-se Passar pela Microsoft Portugal para Roubar
CUIDADO: Burl√Ķes Fazem-se Passar pela Microsoft Portugal para Roubar

Valendo-se da ignor√Ęncia das pessoas e da utiliza√ß√£o generalizada do windows, burl√Ķes est√£o a ligar para n√ļmeros aleat√≥rios, convencendo as pessoas de que falam em nome da Microsoft Portugal.

CUIDADO: Novo método de BURLA na compra de carros
CUIDADO: Novo método de BURLA na compra de carros

Um novo método de burla de compra de carros já terá lesado dezenas de pessoas. Quando se apercebem já é tarde demais.

Puto Burl√£o Enganou Espanha Desde os 15 Anos
Puto Burl√£o Enganou Espanha Desde os 15 Anos

Fazia-se passar por assessor do Governo, agente dos serviços secretos ou dirigente partidário.Desde os 15, movia-se no Partido Popular e todos o conheciam.

Vigarista Fingia ser do FBI para ter Privilégios
Vigarista Fingia ser do FBI para ter Privilégios

Um homem de 26 anos foi preso na Dakota do Norte, Estados Unidos, após burlar várias pessoas na região. O jovem burlão fazia-se passar por agente do FBI.

ATEN√á√ÉO: Burlas com cart√Ķes de cr√©dito disparam
ATEN√á√ÉO: Burlas com cart√Ķes de cr√©dito disparam

As fraudes com cart√Ķes de cr√©dito est√£o a aumentar. No ano passado, s√≥ em Lisboa, 1326 pessoas fizeram queixa de que os seus cart√Ķes tinham sido copiados.

Jovens Jogadores Brasileiros Explorados em Portugal
Jovens Jogadores Brasileiros Explorados em Portugal

O esquema era simples: um empresário português identificava-se como agente da FIFA e ia ao Brasil recrutar jovens futebolistas, com a promessa de os por a jogar nos grandes clubes da Europa. Ao chegarem a Portugal, tudo mudava e nem salário recebiam, chegando a passar fome. Uma vergonha.

Alerta: Ténica de Pseudo-rapto nos Cinemas
Desaparecimento da Maddie: A Teoria Mais Louca
Desaparecimento da Maddie: A Teoria Mais Louca

"MADDIE NUNCA ESTEVE EM PORTUGAL! PROVAVELMENTE NEM NUNCA EXISTIU!" - √Č o t√≠tulo da teoria mais louca j√° escrita sobre o desaparecimento de Maddie.